Novidades


26/04/17

CONFIANÇA

CONFIANÇA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Conheça o sistema de segurança das Eleições CONTER 2017

 

O Conselho Nacional de Técnicos em Radiologia (CONTER) realizou uma licitação e contratou a tecnologia mais avançada do mercado para a realização das primeiras eleições diretas do sistema em nível nacional. A empresa vencedora da concorrência foi a Scytl, que já fez as eleições do Parlamento Europeu, do Instituto Eleitoral da Cidade do México e do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN).

Ela será auditada de maneira independente pela empresa Security Labs, contratada também por meio de licitação. A empresa já prestou serviços para a Embratel, para o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República e para o  Conselho Federal de Medicina (CFM).

> Clique aqui e veja outras organizações que já contaram com os serviços da Scytl;
> Clique aqui para ver os clientes que contaram com o serviço de auditoria da Security Labs;

Entre os dias 3 e 5 de maio de 2017, das 9 às 12h e de 14 às 17h, a Scytl abre as portas de sua sede em Brasília/DF para mostrar a segurança e o mecanismo de auditoria do sistema de votação do site www.votaradiologia.org.br. Nos termos do Regimento Eleitoral, os candidatos ou seus representantes podem agendar uma visita para verificar a inviolabilidade da plataforma. Da mesma forma, os profissionais e terceiros juridicamente interessados podem participar da auditoria independente na sede da empresa. 

Para fazer a visita, os interessados deverão agendar dia e horário com a Comissão Eleitoral até às 14h do dia 2 de maio de 2017, informando pelo e-mail comissaoeleitoral@conter.gov.br e informar o nome completo, CPF, RG e e-mail. Feito isso, será emitido um Termo de Confiabilidade, onde o interessado se compromete a não divulgar, sem autorização, quaisquer informações de propriedade da empresa Scytl.

10 MOTIVOS
para confiar no sistema de segurança das Eleições CONTER

1 - Nenhum funcionário ou conselheiro do CONTER tem acesso ou pode interferir no sistema eleitoral. O mecanismo de votação é inviolável e possui dupla conferência, que permite a recontagem dos votos e acompanhamento direto de todo o processo eleitoral.

2 - É impossível, mesmo para os analistas da Scytl, inserir ou alterar o conteúdo do voto, que é pessoal e intransferível. Não existe qualquer possibilidade de erro no resultado

3 - Depois de votar, cada eleitor recebe um comprovante, que pode ser salvo ou impresso. Para ver como funciona, basta simular seu voto. Faça o teste aqui.

4 - O sistema de votação utilizado garante que a apuração de votos registre exatamente o voto selecionado pelo eleitor, por meio de técnicas de criptografia e assinaturas digitais. Dessa forma, a integridade do voto é garantida desde o momento da seleção de candidato no navegador de internet pelo eleitor.

5 - Ainda no navegador do eleitor, o voto é encriptado e será entregue ao servidor eleitoral, onde seguirá armazenado de forma criptografada no banco de dados do sistema eleitoral até que se realize a apuração. Concluída a votação, os representantes da Comissão Eleitoral terão então a chave que permite descriptografar e apurar o resultado da eleição, sem quaisquer alterações.

6 - Também no navegador, o voto é assinado digitalmente por uma chave que só pode ser revelada pela senha do eleitor, garantindo a integridade do voto  de acordo com a escolha do profissional. No momento da realização da apuração, todas as assinaturas digitais dos votos são verificadas. A senha secreta do eleitor é gerada por um módulo do sistema eleitoral que nunca salva a senha localmente. Essa senha é gerada aleatoriamente e entregue ao eleitor por carta-senha, e-mail ou mensagem de texto SMS.

7 – Todas as ações efetuadas no sistema eleitoral produzem registros de log no banco de dados. Como forma de preservar também a integridade deste log, a solução da Scytl é realizar um encadeamento destes registros por meio de assinaturas digitais que impedem que estes registros sejam modificados ou alterados. Dessa forma, é possível verificar as atividades de inclusões, alterações e exclusões de registros no sistema e seus autores, impedindo mascarar qualquer atividade ilícita que vise prejudicar a integridade do resultado.

8 - Por conta das técnicas de segurança listadas, os módulos TROCAR SENHA e RECUPERAR SENHA, desenvolvidos pela Scytl, são confiáveis (saiba mais sobre eles aqui). Mesmo quem não recebeu a senha via Correios pode solicitar uma nova pré-senha, trocá-la no site VotaRadiologia e votar sem problemas.

É importante salientar que somente os profissionais APTOS (ativos e adimplentes) poderão TROCAR A SENHA, RECUPERAR A SENHA e acessar o módulo de VOTAÇÃO para computar a escolha de seu representante.

9 - Sendo assim, cada profissional pode acessar o módulo COLÉGIO ELEITORAL e consultar possíveis pendências junto ao seu CRTR. Caso não existam pendências e ainda houver qualquer problema com a pré-senha, a ferramenta FALE CONOSCO está disponível para auxiliar os eleitores.

10 - Além do módulo FALE CONOSCO, os profissionais também podem tirar suas dúvidas por meio do espaço DÚVIDAS FREQUENTES. Caso a dúvida persista, podemos ajudá-lo por meio do e-mail comissaoeleitoral@conter.gov.br ou auxiliar via Facebook.

 

Fonte: CONTER