Novidades


19/11/14

CONTROLE JURISDICIONAL

CONTROLE JURISDICIONAL

CRTR/DF constata que UPA de São Sebastião e Hospital Regional do Paranoá transportavam dosímetros de uma unidade para outra

Por meio de denúncia anônima, o Conselho Regional de Técnicos em Radiologia da 1ª Região (CRTR/DF) tomou conhecimento que os dosímetros da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de São Sebastião estariam sendo transportados para o Hospital Regional do Paranoá. O que é expressamente proibido.

 

De acordo com a fiscal Eliana Martins, o transporte de dosímetros era feito para realizar serviços de radioterapia nos pacientes da segunda instituição. “Nós orientamos as duas unidades sobre a importância desse recurso de segurança e os requisitos de utilização. Felizmente, a Secretaria de Saúde do DF providenciou a regularização da situação nos dois setores”, relata.

 

O dosímetro deve ser usado pelo profissional na lapela, na altura do peito, por cima do avental plumbífero. Quando fora de uso, deve ficar armazenado junto ao dosímetro padrão. As leituras devem ser feitas mensalmente pelo laboratório de dosimetria e, se atingidos os níveis de investigação, o profissional deve ser afastado e passar por exames específicos de avaliação.

 

Após a apuração da denúncia, o Governo do Distrito Federal (GDF) comunicou que vai checar a situação em todas as unidades públicas, para garantir a segurança dos profissionais ocupacionalmente expostos. “Uma ação que serviria para regularizar dois ambientes acabou se multiplicando e trazendo benefício ainda maior. Essa sintonia da classe com os órgãos de fiscalização faz a diferença na reivindicação de direitos”, afirma o presidente Adriano Levay.

 

 

Cristalina/GO

 

A equipe de fiscalização do CRTR/DF apurou ainda denúncias contra o Hospital Municipal de Cristalina/GO. Ao ser informado de que os dosímetros estavam vencidos desde o mês de maio, o Regional oficiou o Ministério Público Estadual, a Vigilância Sanitária da Prefeitura de Cristalina e a Superintendência de Fiscalização, Controle e Monitoramento da ANVISA sobre as irregularidades.

 

O mesmo procedimento já havia sido feito em Águas Lindas/GO. A equipe de fiscalização oficiou as autoridades responsáveis e cobrou providências ao encontrar profissionais com salário irregular, ausência de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), sala de Radiologia fora das determinações técnicas e falta de dosímetros.

 

Jurisdição

 

O CRTR 1ª Região, além de cobrir o Distrito Federal, tem a responsabilidade de fiscalizar os municípios goianos e mineiros que ficam no Entorno de Brasília: Abadiânia, Águas Lindas, Alexânia, Cabeceira, Cidade Ocidental, Cocalzinho, Corumbá, Cristalina, Formosa, Luziânia, Mimoso, Novo Gama, Padre Bernardo, Pirenópolis, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Vila Boa, Buritis e Unaí.